Molhinho

Enfim, acertei uma versão acústica daquela música. Mais cedo hoje, havia tido problema com um fone/microfone ruim. Mas agora saiu este take, mais um de um dia musical. Tipo de canção boa pra improvisar solos longos, à século 20, no palco enfumaçado. Lombra musical estilo Doors. Lembrou-me Riders on the storm. O molho, digo, a letra, ganhou agora um repolho. Noves fora, como é bom tocar um instrumento.

Violões e vozes: quadrado.com

Estrada de Santos

Na década de 90, ganhei o concurso de calouros do bar Bom Motivo, que funcionava em Pinheiros (SP), cantando essa canção do Roberto. A música foi nesse tom mesmo (sol maior), só que eu cantava uma oitava acima. Não consigo nem chegar perto hoje em dia. Mas deixa que assim que com a oitava abaixo também tem sua graça.

Violões e vozes: quadrado.com