Gorilas brasileiros fogem de zoo na Malásia

KOTA KINABALU (Reuters) – Dois gorilas brasileiros fugiram ontem de um zoológico em Kota Kinabalu, Malásia. Os animais foram importados do Brasil há dois anos e já haviam se metido em outras encrencas.

Os macacos “Ronildo” e “Ronaldo”, como foram batizados ainda em terras brasileiras, não demoraram muito até causar problemas ao zoológico e ao governo malaio.

Um deles era comumente visto em sua jaula amarrado numa flâmula verde-e-amarela, bêbado, levantando o dedo médio e mexendo a mandíbula como se gritasse “Brasil! Brasil!”.

Autoridades malaias informaram nesta manhã que o gorila conhecido como Ronildo estaria cercado pela polícia no quintal de uma residência contígua ao parque zoológico. Ronildo, entre outras acusações, teria causado cenas de atentado violento ao pudor.

Segundo o aspira da PM paulista que comanda as operações aqui em Kota Kinabalu, tenente Leôncio Mendonça, o macaco não ajuda com as pretensões do governo Lula de se firmar como um líder mundial da paz.

“Esses macacos brasileiros vêm pra cá denegrir a imagem do Brasil lá fora”, consternou-se Mendonça ao final da entrevista.

(Post dos anos zero.)